top of page
Retrato Triste

A automutilação ocorre quando uma pessoa causa lesões no seu próprio corpo, com intenção de aliviar uma dor emocional. Quem pratica ou já praticou a automutilação relata que ao praticar o ato de automutilação, sente um alívio momentâneo, mas logo em seguida, a dor volta e a pessoa se vê carregada de culpa e muitas vezes frustrada por não ter conseguido tirar aquela dor e também por ter se machucado.  

Automutilação

Provocar a dor para fugir de outra dor ?

Muitas são as questões que podem fazer uma criança ou um adolescente à tomar a decisão dolorida de provocar automutilação. Atentar ao que está acontecendo no dia a dia da criança é importante e não deve ser deixado para depois.

 

Possíveis Causas:

  • Bullying na escola, nas redes sociais (Cyberbullying), na comunidade, etc.

  • Desafios decorrentes de brincadeiras perigosas (como: comer canela, fumar cotonete, se cortar, etc.)

  • Chamar a atenção de colegas para tentar mostrar que é forte e se incluir em um grupo

  • Sofrimento decorrente de abuso emocional ou físico (sexual ou não)

  • Tentativa de suicídio

As crianças, diante do frequente contato com o mundo virtual, sofrem constantemente com os perigos dele. Por isso, as taxas de automutilação entre os mais novos estão cada vez mais altas. Esse ato pode começar a ocorrer entre 12 e 15 anos de idade, o mais comum, mas também está presente até antes dos 7 anos. 

Automutilação

Automutilação
Buscar vídeo...
Psicólogo faz alerta sobre automutilação infantil

Psicólogo faz alerta sobre automutilação infantil

03:09
Reproduzir vídeo
O que é automutilação • Psicologia • Casule Saúde e Bem-estar

O que é automutilação • Psicologia • Casule Saúde e Bem-estar

04:46
Reproduzir vídeo
AUTOLESÃO, AUTOMUTILAÇÃO OU AUTOFLAGELO

AUTOLESÃO, AUTOMUTILAÇÃO OU AUTOFLAGELO

04:31
Reproduzir vídeo
Aprendendo a ler
Recomendações aos pais
  • Sejam presentes na vida escolar da criança. 

  • Incluam esportes e/ou atividades diversas na rotina da criança. 

  • Conversem diariamente com a criança:

  • Como foi seu dia?

  • O que você aprendeu hoje?

  • Teve algo que te chateou hoje?

  • Vamos fazer algo juntos hoje ?

Detectar não é tão simples quanto parece

Percebeu que a criança, o adolescente, pode estar se machucando ou sofrendo algum tipo de agressão verbal ou física, no mundo virtual ou real ?
  • Converse ! Se ficar difícil, arrume atividades em conjunto.

  • Converse com profissionais, busque orientação

  • Leve a criança a um profissional ou coloque-a em contato com orientações a respeito, para que a situação seja compreendida.

  • NUNCA julgue a criança, ou seja, não rotule, diminua, violente.

Nunca julgue, nunca diga:
  • “Isso é para chamar a atenção.”

  • “Ele faz isso para que consiga o que quer, é manipulação. “

  • “Isso é frescura”. 

  • “Tem tudo, precisa apanhar isso sim”

As crianças, diante do frequente contato com o mundo virtual, sofrem constantemente com os perigos dele. Por isso, as taxas de automutilação entre os mais novos estão cada vez mais altas. Esse ato pode começar a ocorrer entre 12 e 15 anos de idade, o mais comum, mas também está presente até antes dos 7 anos.